Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/12/18 às 12h55 - Atualizado em 28/12/18 às 13h11

Plano de População de Espécies

 

Ao longo de 2018 a equipe técnica da Superintendência de Conservação e Pesquisa do Zoológico de Brasília elaborou um planejamento populacional para as espécies mantidas sob os cuidados do Zoológico de Brasília.

O plano de população de espécies em um zoológico é de essencial importância para a instituição. Sua elaboração é tanto uma exigência de processos de acreditação como uma diretriz para os trabalhos desenvolvidos, sejam estes de programas de conservação, educação ou projetos de infraestrutura.

O Zoológico de Brasília foi fundado em 6 de dezembro de 1957 e tornou-se a primeira organização de cunho ambiental do Distrito Federal, sendo estabelecidas em seu Estatuto as seguintes metas:

I. Contribuir para a conservação do patrimônio de Biodiversidade do Distrito Federal, por meio da manutenção de programas de conservação e pesquisa in situ e ex situ, em especial nas áreas de cerrado do Distrito Federal e entorno;

II. Produzir, sistematizar e disseminar informações, pesquisas, análises, estudos e projetos de preservação do meio ambiente, em particular sobre a fauna e a flora, para a melhoria do complexo ecológico sob sua guarda;

III. Promover a conscientização ecológica dos visitantes por meio da manutenção de programas interativos de educação ambiental que permitam o envolvimento e a participação do usuário nas atividades, programas e projetos da entidade; e

IV. Investir na criação e na manutenção de calendário de atividades de lazer destinadas à valorização da cultura e à preservação da natureza, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e para a geração de emprego e renda no Distrito Federal.

O presente plano da população foi construído não apenas em conformidade com estas metas, mas também fazendo jus à missão de um zoológico adepto da concepção moderna. Tal concepção determina que os trabalhos e investimentos na instituição devem ser direcionados – prioritariamente – ao manejo de populações saudáveis e viáveis de animais com potencial de contribuir para a conservação de suas espécies na natureza, à educação do público sobre como evitar ou minimizar os impactos antrópicos no mundo natural e ao avanço do conhecimento relacionado ao bem-estar e conservação animal. Desta forma, a base do planejamento da FJZB foi a segunda edição do manual intitulado The Modern Zoo: Foundations for Management and Development, publicado pela Associação Europeia de Zoológicos e Aquários (EAZA) em setembro de 2013.

Acreditamos que, para efetividade e continuidade deste trabalho tão importante, a elaboração de uma Instrução Normativa que regulasse tais ações fosse a melhor alternativa. Desta forma, publicou-se a Instrução Normativa nº 215, de 27 de dezembro de 2018 (link abaixo), que dispõe sobre as diretrizes para a criação do Plano de População de Espécies sob os cuidados do Zoológico de Brasília.

 

Instrução Normativa nº 215, de 27 de dezembro de 2018 – Dispõe sobre as diretrizes para a criação do Plano de População de Espécies sob os cuidados do Zoológico de Brasília

ZOO - Governo de Brasília

Fundação Jardim Zoológico de Brasília

Fundação Jardim Zoológico de Brasília Avenida das Nações, Via L4 Sul, s/n - Brasília, DF. CEP - 70610-100 Telefone: 3445-7000